segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Reel Bad Arabs - documentary

 
          During these week, we have been watching and talking about the documentary Reel Bad Arabs.
          According to the documentary official site, it is based on Dr. Jack Shaheen’s book. It dissects a slanderous aspect of cinematic history that has run virtually unchallenged from the earliest days of silent film to today's biggest Hollywood blockbusters. Dr. Shaheen watched thousands of movies and unfortunately they have always portrayed  the Arabian people in a mixture of incompetents, buffoons, terrorists and with no sense of reality when it comes to money. By inspiring critical thinking about the social, political, and basic human consequences of leaving these Hollywood caricatures unexamined, the film challenges viewers to recognize the urgent need for counter-narratives that do justice to the diversity and humanity of Arab people and the reality and richness of Arab history and culture.

Post Question: How do you like the documentary? What did you like most about it? What didn't you like about it? Do you agree to Dr. J. Shaheen when he says that hollywood has vilified the  Arabian people? Do you think the "Ali Babá" kit is still in the mind of people around the world? Is it in yours?

Tip: To donwload your vocabulary activity, just click here.

8 comentários:

Anônimo disse...

Fernanda Dini José n°11 1°E

Gostei sim do documentário. O que eu mais gostei sobre isso, foi a forma como um próprio americano fez as críticas que fez sobre os filmes Hollywoodianos. Não gostei das cenas de muita violência (pessoal mesmo, não gosto disso em nenhum filme). Concordo, isso ficou mais que explícito. Sim, com certeza ainda está presente. Podemos negar o quanto quisermos, no meu caso, sinceramente não sei, então não há como responder se sim ou não, seria preciso que eu passasse pela situação para saber ao certo se sim ou não.

Marcella Popazoglo disse...

Na minha opinião o documentário é muito bom, pois ele nos mostra várias provas de que Hollywood realmente despreza e difama o povo árabe,esse foi um dos pontos que eu mais achei interessante no documentário, não imaginava que esse preconceito estava até mesmo em desenhos infantis. O que eu não achei muito legal no documentário foi que o diretor pega alguns trechos de filmes muito antigos e não é a maioria das pessoas que tem conhecimento desses filmes, Eu concordo que Hollywood tem difamado os árabes, isto se torna mais nítido quando é passado vários trechos de filmes que é possível notar essa difamação,e não um ou outro. Eu acho que o kit "Ali Babá" está na mente de muitas pessoas, até porque é a mídia quem transmite o quão "mal" é o povo árabe e a população de hoje em dia é muito influenciada pela mídia. Após ter assistido ao documentário essa visão dos árabes mudou na minha mente, pois consegui perceber que os árabes são pessoas como nós.
Marcella Popazoglo 1°ano B n°22

Anônimo disse...

Eu gostei muito do documentário, porque ele realmente mostra como somos influenciados pelo cinema, sempre vemos os árabes como terrorista ou ladrões; o que eu mais gostei sobre isso é que filmes que sempre vemos esta criticando os árabes e muitas vezes nem percebemos; sim eu concordo com o Dr. J. Shaheen; devido muitos filmes que nos vemos o kit do " Ali Babá " ainda esta na cabeça das pessoas, pois foi assim que foram acostumadas árabes como terroristas e ladrão; de certo modo sim.
Lara Estevam, 9A

Anônimo disse...

Eu gostei muito do documentário, porque ele realmente mostra como somos influenciados pelo cinema, sempre vemos os árabes como terrorista ou ladrões; o que eu mais gostei sobre isso é que filmes que sempre vemos esta criticando os árabes e muitas vezes nem percebemos; sim eu concordo com o Dr. J. Shaheen; devido muitos filmes que nos vemos o kit do " Ali Babá " ainda esta na cabeça das pessoas, pois foi assim que foram acostumadas árabes como terroristas e ladrão; de certo modo sim.
Lara Estevam, 9A

Iara Setti disse...

Nome: Iara Setti N°:21 Ano:1°E
1- Eu gostei do documentário, pois ele me fez perceber o quanto diversos filmes e outros fatores da mídia tem nos manipulados para termos uma imagem errada, difamada e preconceituosa dos árabes.


2- Eu gostei, pois me fez perceber o quanto eu tinha uma imagem errada em relação aos árabes. Depois do documentário espero ser mais critica e perceber quando os filmes ou a mídia tentarem me manipular a criar um preconceito com árabes.


3- Eu não gostei de depois do documentário ter que enfrentar a realidade e perceber que somos facilmente manipulados e criamos preconceito sem nem se quer percebermos.


4- Sim. Eu concordo, pois diversos filmes de Hollywood tem manipulado os telespectadores para que eles tenham uma imagem ruim dos árabes. Os filmes tem retratado os árabes como cruéis, malvados, terroristas, bufões, além de retratar a mulher como objeto de prazer.


5- Sim. Eu acho, pois diversas pessoas assistem os filmes e nem se quer percebem que estão sendo manipuladas a terem essa imagem dos árabes que a mídia impõe.


6- Eu acho que eu também já fui influenciada e já tive essa imagem sobre árabes, porém depois do documentário percebi que a imagem que eu tinha deles não era uma imagem criada por mim, e sim uma imagem que a mídia fez com que eu tenha sem que eu percebesse. Mas agora espero ser bem mais critica, e quando eu for assistir um filme sobre os árabes espero não ser manipulada novamente a ter essa imagem difamada sobre eles.

Fernanda Lujan T.Gonzalez 1ºE disse...

1-eu gostei muito do documentário, pois ele trouxe uma realidade que todo mundo acha normal só que não é.2-Como ele trouxe a verdade por meio de um povo e como eles realmente se sentem. 3-Sim com certeza pois, em todos os filmes de hollywood apresentados mostram o povo árabe como os vilões e isso é errado pois pra você ver se uma pessoa é ruim você tem que avaliar seu caráter não sua etnia. 4- Sim, infelizmente pois,a população acha que os árabes a qualquer momento vão explodir uma bomba ou vão simplesmente fazer uma coisa perigosa. 5-Não está na minha cabeça isso porque nunca liguei para essas coisas de etnia, sempre liguei mais para o caráter da pessoa não o que ela é, ou que religião segue, pois se ela me respeitar com certeza irei respeita-la

Vitor Monreal Giovannone disse...

Eu gostei muito desse filme ,e o que eu mais gostei deste documentário é que Jack Shaheen falou a verdade sobre Hollywood , e o que ele falou no documentário deveria servir de exemplo para outras coisas.E o que eu não gostei neste documentário foi as cenas em que os árabes são sempre retratados como vilões, mercenários etc.....
E eu concordo com o que Dr.J.Shaheen diz , porque é a pura verdade
Não acho que Ali Babá ainda esta na cabeça das pessoas , mas na minha ele está.

Anônimo disse...

Giovana Helena Alves nº16 1ºano E

Eu gostei do documentário porque ele nos alertou sobre algo que nunca havíamos notado antes, que é o modo errado de como os filmes de Hollywood rotulam os árabes.
Na maioria das produções de Hollywood os árabes são retratados como pessoas ruins, gananciosas, terroristas e, no caso das mulheres, vulgares e indecentes, mas não é assim que as coisas funcionam. Eles são pessoas normais assim como nós, que se preocupam com suas famílias e têm suas crenças.
Eu concordo com o Dr. J. Shaheen porque, por mais que seja de modo discreto, os filmes de Hollywood tentam passar uma visão errada de como os árabes realmente são. Isso ocorre em qualquer tipo de filme, até mesmo nos voltados ao público infantil.
O kit "Ali Babá" com certeza continua fixo na mente das pessoas pois as influências que nos passam essa ideia continuam inúmeras e das formas mais imperceptíveis possíveis. Ainda tenho um pouco do kit "Ali Babá" na minha mente pois não conheço muito bem a realidade dos árabes, porém esse documentário me ajudou bastante à tentar filtrar as informações que as pessoas tentam me transmitir sobre os árabes.